Curitiba: 41 3322-5885 | Canoas: 51 3286-0019 | Salvador: 71 3342-0867
Piscina de vinil: agora é assim que se faz piscina

Bela, de muito requinte e ainda com prainha, hidromassagem, sauna conjugada e até bar dentro d’água. Muita gente ainda desconhece o processo prático e econômico de construção das piscinas de vinil

Uma opção prática, moderna e versátil. Apesar de liderarem em relação às piscinas de concreto e equipararem-se à de fibra, as piscinas de vinil muitas vezes são comparadas, equivocadamente, àquela de plástico, em que se brinca quando criança. Claro que não há nenhuma relação entre elas! As de vinil são sofisticadas e o seu material é muito resistente e duradouro. Mas como é a piscina de vinil? É construída em alvenaria armada estrutural. Depois de feita a escavação, é construída uma estrutura com blocos de 15cm, e a cada dois metros são erguidas as colunas de concreto armado para dar sustentação.

Este momento é oportuno para a construção de prainhas – pequena parte da piscina com profundidade entre 45 e 70cm. Em seguida, aplica-se reboco liso nas paredes, como em uma parede de construção comum, e o fundo é preparado com concreto leve. São instalados os dispositivos para entrada e saída da água. Ocasião propícia para deixar a piscina mais completa com a instalação de dispositivos de hidromassagem e iluminação.

Construção

A última etapa é o revestimento vinílico. Mas, antes, nas bordas é instalado o perfil de PVC, no qual é encaixado o vinil. Ele é estendido no recipiente e amoldado nas paredes com a pressão da própria água da piscina. Esse processo simples, da construção à colocação do vinil, não demora mais que 15 dias para ser concluído, se nada atrapalhar, como as chuvas, por exemplo. É por isso que a piscina pode atender a qualquer projeto, pois o vinil se encaixa nos mais variados formatos. Isso quer dizer que é possível construir uma piscina de vinil que, na mesma construção, tenha curvas, retas, profundidades diferentes e ângulos ousados.

Portanto, a piscina de vinil pode ser construída do jeito que o consumidor quiser, lembrando que ainda permite a instalação de bar com bancos subaquáticos, sauna acoplada e o que a imaginação do projeto pedir. O bolsão de vinil pode ser escolhido entre mais de 20 estampas diferentes. A coleção é inspirada em pastilhas de vidro, mosaicos, azulejos, trazendo motivos de estrelas-do-mar, caracóis, golfinhos, flores, entre muitas outras. Na hora de limpar, não há nada mais prático e rápido. Pelo fato de o vinil ser liso e não ter rejuntes, como os dos azulejos e pastilhas, não acumula algas nas paredes.

Hoje, as piscinas de vinil representam 35% do mercado, segundo a Anapp – Associação Nacional de Fabricantes Construtores de Piscinas e Produtos Afins. Outros 35% das piscinas são feitos em fibra de vidro e os 30% restantes em concreto. O Brasil é o segundo maior fabricante de piscinas do mundo, só perde mesmo para os Estados Unidos. Em épocas em que tempo é dinheiro, o fato de que uma piscina de vinil representa uma instalação rápida já significa uma enorme economia. Sem contar o seu custo real. Uma piscina de vinil básica de 8 x 4 m e 1,5 m de profundidade, por exemplo, custa, em média, R$ 8 mil, incluindo a mão-de-obra, o filtro mais a moto bomba, acessórios básicos de manutenção e limpeza.

Fonte: Jornal do Síndico

Portal Curitiba

Endereço: Rua Riachuelo, 31, Cj 1201, Centro - CEP: 80020-250

Tel/Fax: (41) 3322-5885

E-mail: contato@portalcobrancas.com.br


Portal Canoas

Endereço: Rua Domingos Martins, 261, Sala 202, Centro - Canoas - RS

Tel/Fax: (51) 3032-4099

E-mail: contato@portalcobrancas.com.br

Portal Salvador

Endereço: Rua Alceu Amoroso Lima, 470, 11º andar, conj. 1106. CEP: 41820-770

Tel/Fax: (71) 3342-0867

E-mail: contatosalvador@portalcobrancas.com.br

Desenvolvido por Seens Tecnologia da Informação